Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

escolhe outro

Equinócio | oicóniuqE

Eis chegado o momento em que a Terra cruza o plano do Equador Celeste. Época de renovação da Natureza. Finalmente os dias vão ficar maiores do que as noites. O Sol impõe-se, aquecendo-nos com a sua fonte de vida.  Inicia-se uma das estações mais belas e interessantes.

Saudemos a Primavera ! Felicidades para todos !

A Evolução das Espécies

Todas as espécies tem uma origem idêntica. Mas no decurso da sua evolução podem sofrer grandes alterações. Existem algumas espécies com que todos os dias nos cruzamos. Podemos até classificá-las.

Há as espécies mais discretas, movimentam-se sempre às ordens de outros. Habitualmente não criam problemas às espécies superiores, mas podem ser muito perigosos para os da mesma espécie. Estas podem evoluir, dando origem a aberrações, e quando se fortalecem, fazem os possíveis para complicar a vida aos que ficam no patamar acabam de deixar. Tornam-se muito perigosas, ficando entre a espécie que podem calcar e a espécie acima que lhes provocam problemas, que claro descarregam na espécie abaixo.

Depois há os das espécies mais perturbadoras. São poderosos, não se preocupam com os métodos a usar para a tingir os seus fins. Alimentam-se de tudo o que os rodeia, secam tudo, servindo-se das espécies abaixo conforme as suas vontades.

Há mais uma espécie. Uma que é transversal a todas estas. Uma que tenta viver acima dos defeitos das outras. Esta não se preocupa em atingir mais poder, apenas pretende viver feliz e ajudar os mais próximos a o serem também. Por vezes é difícil sobreviver. Há sempre uma ou outra  espécie a tentar destrui-la. Mas é esta a espécie que tem mais algo para ensinar. É de facto a espécie mais construtiva naquilo que toda a sociedade mais precisa: compreensão , tolerância... porque as outras, até podem atingir poder, mas são completamente vazias.

O pior de tudo, é que , na maior parte das vezes, nunca o vão perceber, ou só o percebem muito tarde, depois de terem destruído tudo o que as rodeava, caindo no seu vazio.

 

O Equilibrio

Todo o ser humano, já passou por momentos menos fáceis, mais ou menos longos.
A capacidade de os ultrapassar , sem deixar resíduos ou marcas é o segredo para encontrar o equilibro.

Na vida como numa reacção química , para se obter equilíbrio é necessário recorrer aos reagentes certos para manter uma reacção química constante ao longo do tempo. Os reagentes encontramo-los nas coisas mais simples, e esses são os de melhor efeito.

Sabe-los encontrar, é a verdadeira dificuldade. A solução certa dará um excelente resultado. Uma má escolha, ou mesmo a utilização do reagente errado, pode provocar uma reacção incontrolável.

Mais sobre mim

imagem de perfil

origem das ideias

Desenhos, fotografias e textos aqui partilhados são da autoria e da imaginação do ide!as. Agradeço todas a visitas, e em especial a quem aqui deixa os seus comentários. Muito obrigado.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D